'
  • Sem categoria

Segundo jornal da Argentina, país negocia com a China a compra de 24 caças JF-17

JF-17 - foto PAC

ESPERA-SE TOMAR UMA DECISÃO ENTRE OS CAÇAS CHINESES E OUTRAS OPÇÕES FORMAIS, COMO MIRAGE F1 E IAI KFIR, ANTES DO FINAL DO ANO

Em sua edição de terça-feira, 17 de março, o jornal argentino La Gaceta trouxe a notícia de que a Argentina avalia ofertas para comprar 24 aviões de combate, tendo “duas opções formais” que são aeronaves Mirage F1 da Espanha e IAI Kfir de Israel, e negociações com a China para o modelo FC-1/JF-17.
O jornal destacou que os caças chineses JF-17 têm “capacidade de chegar até as Ilhas Malvinas”, informação que teria sido confirmada pelo ministro da Defesa, Augustín Rossi. Segundo a reportagem o “funcionário”, que na segunda-feira acompanhou a presidente Cristina Fernández no anúncio de verbas de 930 milhões para equipar o Exército, afirmou que entre este final de semana e a próxima uma delegação oficial visitará a China para conversações: “O chefe do Estado Maior da Força Aérea (Mario Miguel Callejo) está indo à China junto com uma missão técnica para analisar a possibilidade de compra.”
Ainda segundo o jornal, Rossi evitou dar detalhes sobre as conversações, mas confirmou que há intenção de comprar “pelo menos 12 e não mais do que 24″ aviões, e que o negócio representaria, se concretizado, “algo novo para a Força Aérea Argentina, que sempre teve equipamentos ocidentais.”
O ministro esclareceu, entretanto, que a China não é o único país com o qual se negocia, havendo no momento “duas opções formais” que são os aviões Mirage F1 espanhóis e IAI Kfir Block 60 israelenses, e que também há uma oferta francesa, esta informal. Somente quando todas as ofertas formais estiverem sobre a mesa haverá uma decisão, que se espera tomar antes do final do ano.

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close