'
  • Sem categoria

China evacua estrangeiros do Iêmen em ato sem precedentes

image_pdf

Por Megha Rajagopalan e Ben Blanchard

PEQUIM (Reuters) – Uma fragata da Marinha chinesa evacuou 225 cidadãos estrangeiros do Iêmen, que está em conflito, disse o Ministério das Relações Exteriores, na primeira vez que o exército chinês ajudou outros países a retirarem cidadãos durante uma crise internacional.

Pessoas de dez nacionalidades diferentes estavam entre os retirados na tarde de quinta-feira em Áden, segunda maior cidade do Iêmen, e transportados para Djibouti, divulgou o ministério em nota em seu site na quinta-feira.

O órgão disse que governos estrangeiros -Paquistão, Etiópia, Cingapura, Itália, Alemanha, Polônia, Irlanda, Grã-Bretanha, Canadá e Iêmen – pediram ajuda da China.

Uma fonte diplomática familiar com a operação disse que o conflito chegou perto do navio de guerra chinês.

Uma porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da Alemanha confirmou que a China levou três alemães para Djibouti, adicionando que Berlim estava “muito agradecida ao governo chinês por seu apoio”.

A violência tem se espalhado pelo Iêmen desde o ano passado, quando militantes xiitas houthi, apoiados pelo Irã, tomaram a capital, Sanaa, e retiraram o presidente Abd-Rabbu Mansour Hadi. Uma aliança liderada pela Arábia Saudita atacou os rebeldes com ataques aéreos na semana passada.

image_print

…read more

Leia mais: Defesa Aérea & Naval

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close