'
  • Sem categoria

Regimento de Cavalaria de Estremoz envia 30 militares para o Iraque

O Regimento de Cavalaria 3 (RC3), de Estremoz, vai enviar 30 militares numa missão para o Iraque, sendo esta a segunda força portuguesa destacada para aquele país, disse esta quinta-feira à agência Lusa o comandante da unidade.

O coronel Nuno Duarte explicou que a unidade tem a missão de proceder ao aprontamento de 30 militares, 11 oficiais, 16 sargentos e três praças, provenientes de unidades que pertencem à Brigada de Reacção Rápida (BrigRR) do Exército, sendo que 21 integram as fileiras do RC3, que está também integrado na BrigRR.

O comandante do RC3 de Estremoz, no distrito de Évora, adiantou que os militares partem para o Iraque na última semana de Outubro, numa missão de seis meses, para render no dia 06 de Novembro os militares do Centro de Tropas dos Comandos, que constituíram a primeira força portuguesa destacada para aquele país do Médio Oriente e que partiram de Portugal em maio deste ano.

Segundo o comandante do RC3, as três dezenas de militares portugueses vão “ministrar formação e treino às forças iraquianas”, no âmbito da coligação internacional contra o Estado Islâmico do Iraque, liderada pelos Estados Unidos, e juntar-se aos militares de outros países.

“Os militares estão a preparar-se para cumprirem uma missão na defesa dos valores e interesses ocidentais”, disse o coronel Nuno Duarte.

O RC3, a unidade mais antiga em actividade do Exército Português, está instalado em Estremoz há 140 anos, desde 05 de Abril de 1875, e integra a Brigada de Reacção Rápida, com comando em Tancos, uma das principais unidades operacionais do Exército.

O Regimento de Cavalaria 3 “Dragões de Olivença” tem origem numa das mais antigas unidades do Exército, fundada em 1707, em Olivença.

A Brigada de Reacção Rápida integra na sua maioria militares para-quedistas, comandos e de operações especiais “altamente treinados”.

A “elevada …read more

Leia mais: Defesa Nacional

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close