'
  • Sem categoria

China fecha acordo com Liga Árabe e avança sobre o Oriente Médio

O Emir do Kuwait, Sheikh Sabah Al Ahmad Al Sabah (à esquerda), e  o presidente chinês, Xi Jinping (à frente, do lado direito), chegam ao encontro do CASCF e, Pequim.

A China fechou acordos de cooperação em mais de 20 áreas, incluindo energia, indústria e comércio, afirmou nesta terça-feira o ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi. Os acordos incluem a expansão da Nova Rota da Seda.



A China foi sede do 8º encontro do Fórum de Cooperação China-Estados Árabes (CASCF, na sigla em inglês). O evento foi presidido por Wang Yi. Adel Jubeir, chanceler saudita, e pelo secretário-geral da Liga Árabe, Ahmed Aboul Gheit.

No encontro, foram assinados três documentos distintos: a Declaração de Pequim; um plano de organização para eventos da CASCF entre 2018 e 2020, e um plano de ação para a implementação conjunta da Nova Rota da Seda com o objetivo de aumenar a integração da Eurásia.

“A declaração de Pequim define a direção para o desenvolvimento das relações entre a China e os países árabes além da cooperação. A declaração sobre a ‘implementação de planos’ estipula novos projetos e medidas para a cooperação em mais de 20 áreas, como o comércio, a economia, a indústria, energia e cultura”, afirmou o chanceler chinês durante uma coletiva de imprensa.

O ministro chinês afirmou que a Declaração de Pequim reafirma o apoio mútuo entre os países além de garantir a cooperação em interesses chave. O documento também aponta posições comuns em relação à questão da Palestina, ao combate ao terrorismo, a reforma do Conselho de Segurança da ONU e outras questões regionais e internacionais, afirmou.

Wang também apontou que foram atingidos acordos em mais de 100 pontos de interesse comum.

O CASCF foi criado em 2004 durante uma visita do então presidente chinês, Hu-Jintao, ao quartel-general da Liga Árabe no Cairo, Egito.

O CASCF é uma iniciativa de diálogo entre a China e os 21 membros da Liga Árabe, com o objetivo de criar cooperação nas áreas de política, cultura, tecnologia, relações exteriores, …read more

Leia mais: Notícia Final

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close