'
  • Sem categoria

Na Federação Russa começou o desenvolvimento do conceito de sistema de transporte “lunar”

A Roscosmos Corporation e a RSC Energia começaram a desenvolver um sistema de transporte usando uma versão especial da espaçonave Soyuz para vôos tripulados para a órbita da Lua. A TASS informa de uma fonte na indústria de foguetes e espaço.

A primeira reunião de trabalho sobre essa questão aconteceu na quinta-feira, 10 de janeiro.


De acordo com a fonte, hoje tal esquema é preliminarmente considerado, no qual a nova “Soyuz” será lançada para a Lua a partir da órbita da Estação Espacial Internacional (ISS).

Ele explicou que o módulo de migração consistirá de uma versão especial da União do MC e do estágio superior. Eles terão que ser entregues à ISS por duas transportadoras Soyuz-2.1a. Então, sob o controle da tripulação do segmento russo da estação, a maior parte do módulo de voo será montado.


O entrevistado não esclareceu os detalhes técnicos do processo, lembrando que é cedo demais para falar sobre tais detalhes.

Lembre-se, na véspera o chefe da Roscosmos Dmitry Rogozin disse no ar no canal “Rússia-24” que a agência espacial dos EUA (NASA) pediu à empresa para desenvolver uma versão do “União”(Union) para voos para a lua, a fim de criar um segundo sistema de transporte espacial de backup. Os americanos planejam criar na órbita lunar uma estação permanente no âmbito do programa internacional Deep Space Gateaway, para o qual as espaçonaves serão regularmente enviadas da Terra.

Mais cedo, Rogozin disse que a Rússia participará deste programa apenas em paridade/igualdade.

topwar …read more

Leia mais: Notícia Final

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close