'
  • Sem categoria

Deixará o Ocidente construir caminhos de ferro ligando o Golfo ao Mediterrâneo ?

JPEG - 63.2 kb

Thierry Meyssan

Depois dos Estados Unidos e seus aliados terem deliberadamente criado as condições para a fome na Coreia do Norte, a seguir no Sudão, na Tunísia e hoje em dia no Iémene, começam a fazê-lo na Síria. O único meio para se defender disso é relançar a economia regional, a qual se afundou durante as guerras do Iraque e da Síria. Dois projectos de caminho de ferro concorrem entre si : um para desenvolver a região, o segundo para a dividir. Irão os Ocidentais comportar-se como seres humanos ou irão eles prosseguir o seu sonho de dominação ?

Para a sua reconstrução, a Síria só pode contar consigo própria, já que nenhum dos que despenderam centenas de biliões de dólares para a destruir está pronto a desembolsar o mínimo cêntimo para a reconstruir.
Nestas condições, o futuro do país implica reatar com o seu passado: quando era o ponto de passagem obrigatório entre o oceano Indico e o mar Mediterrâneo. Durante a antiguidade, a “rota da seda» partia da antiga capital chinesa de Xi’an para chegar a Antioquia e a Tiro.
Esta rota não era somente uma passagem permitindo trocar mercadorias de cidade em cidade, mas também uma via cultural pela qual a filosofia chinesa se difundiu na Ásia e a religião muçulmana chegou à China; uma rota na qual a língua comum não foi o mandarim chinês, mas o persa. Em seguida, a Síria continuou a ser a passagem entre o oceano Indico e o mar Mediterrâneo, o que lhe assegurou a prosperidade até à construção do Canal do Suez.
O projecto de um caminho de ferro(estrada de ferro-br) ligando o porto iraniano de Khorramshahr à fronteira iraquiana, à costa mediterrânica síria, via Bagdade, não é novo. Já havia sido planificado (planejado-br) antes da guerra, à época do mercado comum turco-irano-sírio. As …read more

Leia mais: Notícia Final

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close