'
  • Sem categoria

UFRJ celebra 45 anos da Ponte Rio-Niterói com palestras e homenagem

Maior ponte do hemisfério sul e uma das maiores do mundo em área construída, com um comprimento total de mais de 13 quilômetros, a Ponte Rio-Niterói completa 45 anos neste ano. Para celebrar a data, a Escola Politécnica da UFRJ (Poli-UFRJ), através do Programa de Projeto de Estruturas (PPE), promoverá um ciclo de palestras com os principais engenheiros envolvidos no desenvolvimento do projeto, construção, melhoria de desempenho dinâmico e manutenção da ponte. Será realizado no próximo dia 30 de outubro, das 9h às 16h, no auditório André Rebouças, no Centro de Tecnologia, Bloco D, Sala D-220.

A programação prevê uma sequência de palestras de engenheiros envolvidos com a história da ponte desde o seu projeto até os dias de hoje. Inicia com a apresentação do professor emérito da Poli-UFRJ Benjamin Ernani Diaz, responsável técnico pelo projeto da ponte juntamente com Antônio Alves de Noronha Filho no primeiro escritório de engenharia civil do país a utilizar computadores para realizar cálculos numéricos de estruturas, a Noronha Engenharia S.A.

Em seguida o engenheiro civil Bruno Contarini, referência em construção de pontes e viadutos, discorrerá sobre os grandes desafios construtivos vencidos em obra de tal vulto. Na parte da tarde ocorrerão as palestras do pesquisador do Programa de Engenharia Civil da Coppe/UFRJ Ronaldo Battista, autor do projeto que reduziu em mais de 80% as oscilações provocadas pelo vento no vão central da ponte; e do engenheiro Carlos Siqueira, que atuou no passado na fiscalização da construção da ponte e até hoje atua na manutenção da obra, sendo talvez a pessoa que mais dedicou seu tempo à obra.

Organizado pela professora Maria Cascão Ferreira de Almeida, coordenadora do Programa Projeto de Estruturas (PPE/POLI/UFRJ), o encontro busca estimular os alunos com exemplos de engenharia brasileira de excelência evidenciando o alto nível dos profissionais formados pelo curso de Engenharia da …read more

Leia mais: Forças Terrestres

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close